Discutir Histórico Ver Versão Atual Editar Pesquisar
Diretrizes .  

O projeto Tagmar 2 teve como princípios fundamentais as diretrizes que foram definidas nas fases iniciais do projeto. Depois de nove anos de desenvolvimento, estas diretrizes foram revistas se ajustando às experiências acumuladas durantes estes anos.

A motivação para a existência destas diretrizes está no que se define como a essência do Tagmar em si, ou seja – quais são os limites que definem um RPG como Tagmar – e os parâmetros que norteiam os participantes do projeto para alcançar um objetivo comum:

– Um RPG gratuito e de qualidade.

Qualquer trabalho desenvolvido neste fórum com finalidade de oficialização em curto prazo, deve levar em consideração estas diretrizes primordiais, pois sem elas cada um faria seu trabalho de uma forma, o que conduziria a uma desorganização e ao provável fracasso do projeto.

Sua vigência se dará por mais 5 anos, ou até que, o coordenador geral do projeto abra uma votação com duração de uma semana e o número de votos a favor seja igual ou maior a 2/3 dos votos válidos apurados.

§ único – Tendo findado o prazo de vigência a coordenação responsável obrigatoriamente trancará todas as atividades em andamento, convocará a eleição de um coordenador temporário para iniciar uma nova revisão, ou manutenção, das diretrizes abrindo a oportunidade de refrescar a discussão.

Da mesma forma, para se incluir /alterar uma nova diretriz ou algum ponto na estrutura do projeto ou procedimento com as tarefas, ou realizar alguma exceção será necessária a abertura de um tópico com a proposta, uma discussão de período exatos de 14 dias seguida de aprovação em votação cujo número de votos a favor seja igual ou maior a 2/3 dos votos válidos apurados.

Todos os participantes devem seguir as diretrizes.

Definições


Antes, seguem as seguintes definições:

A) Núcleo do Sistema Tagmar: Princípio básico para construção ou resolução das estatísticas dos personagens e das regras do sistema. Consiste em:

  1. Tabela de resolução colorida: deve ser mantida e deve ser a base para a resolução de testes de Habilidade e de Combate. As cores devem ser mantidas. A proporção das cores devem ser definidas por curvas e retas as quais definem as probabilidade de acerto ou de realização com sucesso. A tabela de crítico não faz parte do núcleo do sistema.
  2. Os 7 atributos principais: Agilidade, Aura, Carisma, Físico, Força, Intecto e Percepção. Não serão excluídos nem criados um novo. Isto se aplica na quantidade, não nos seus efeitos sobre as demais regras.
  3. Resistência Física e Resistência Mágica: devem ser mantidos na sua quantidade. Isto não se aplica na forma de sua obtenção utilização e nem nos seus efeitos sobre as demais regras, mas devem usar a Tabela de confronto de forças.
  4. Energia Heroica e Energia Física: Não serão excluídos nem criados uma nova. Isto se aplica na quantidade, não nos seus efeitos sobre as demais regras e na sua atualização e recuperação.
  5. A compra de habilidades, magias, técnicas de combate, grupo de armas e qualquer outra característica de evolução: deve ser conquistada por sistema de pontos. Não devem ser usados sorteios, com exceção da regra atual para a definição dos 7 atributos básicos. Não estão fixados a forma de obtenção nem na quantidade de pontos nem quais habilidades, magias, técnicas de combate vão existir.
  6. Evolução do personagem por estágios: isto se aplica ao conceito e ao uso dos Pontos de Experiencia, não na quantidade de pontos necessário para passar de estágio e quais bônus se obtêm ao se passar de estágio. Os pontos de Experiência deverãoser obtido sempre por mérito referente as ações do personagem nas aventuras, nunca por sorteio, por quantidade de criaturas mortas ou por obtenção de tesouros. Não está fixado a quantidade que se obtêm.
  7. As raças Jogáveis: serão sempre definidas de acordo com a ambientação:
    1. Região dos Reinos: serão as 6 existentes desde o Tagmar 1 (Humano, Elfo Florestal, Elfo Dourado, Meio-Elfo, Anão e Pequenino);
    2. Região do Império: serão as existentes desde ono livro original do O Império;
    3. Região das Terras Selvagens: serão as existentes desde oneste livro.
    4. OBS:Nas regiões ainda não oficializadas não há definição de quais raças podem existir. Nas 3 regiões acima citadas pode-se criar novas raças jogáveis, mas devem ser consideradas como opcionais e só devem estar no Livro de Regras Opcionais.
  8. Raças X Profissões: serão definidas da seguinte forma:
    1. Região dos Reinos: Humanos, Elfos e Meio-elfos podem assumir qualquer uma das 6 profissões. Das 6 profissões Anões não podem ser magos, rastreadores ou bardos. Das 6 profissões Pequeninos não podem ser magos ou rastreadores.
    2. Região do Império: deverão ser compatíveis com o descrito no livro original do O Império;
    3. Região das Terras Selvagens: deverão ser compatíveis com o descrito livro no Terras Selvagens.
  9. Combate: Usarão a Tabela colorida para sua determinação de sucesso/fracasso e dano. Usarão Grupos de Armas para determinar os níveis básicos, mas nçao estão definidos a questão dos modificadores (bonus/penaltis) que poderão os atributos, objetos mágicos, magia e outras regras a serem definidas.
  10. Absorção: deve ser usada para reduzir o dano que alguém sofre. Este conceito não pode ser eliminado. Mas as regras de funcionamento da absorção não estão fixadas.
  11. Especializações das Guildas, Academias, Colégios, Ordens, Trilhas e Confrarias: Devem ser compatíveis com a ambientação. Para a Região dos Reinos ficam fixados os atuais, mas é permitido se criar novas especializações, mas estas devem ser consideradas como opcionais e só devem estar no Livro de Regras Opcionais. Para a Região das Terras Selvagens e Império ainda não estão fixados.
  12. Karma: as magias utilizarão um sistema de pontos (Karma) que será usado para executar as magias. Este atributo não poderá ser alterado nem excluído. Mas a regra de obtenção e o seu uso não fazem parte. O uso da magia gastará os pontos de karma e será igual ao nível do efeito evocado. A forma de recuperação do Karma não faz parte do núcleo do sistema.
  13. Níveis de Efeito: As magias terão níveis de feito. As magias normais terão efeitos de 1 a 10. Acima de 10 somente as magias ancestrais. Cada magia terá um custo de aquisição que poderá variar com a profissão e especialização. Os níveis devem preferencialmente ser saltados (1,2,4,6,8,10 ou 1,3,5,7,9).


B) Regras Gerais do Sistema Tagmar: Estatísticas e valores para estimular o desenvolvimento do role-play ou para simular a probabilidade do acontecimento de determinados eventos e ações dentro da ambientação.

C) Ambientação: Estrutura para o desenvolvimento e interação dos personagens:

- Elementos de Ambientação: Raças, Profissões, Culturas, Mitologia, Verossimilhança, Desenvolvimento Tecnológico, Inserção e interferência da Magia nas relações dos outros elementos da ambientação.

D) Tagmar 1: O conjunto de regras, sistema e elementos de ambientação do livro Tagmar original.

E) Herói de Tagmar: Membro do fórum com direito de voto.

F) Status: Nível de participação no fórum tendo em visto o número de posts sem contar os enviados em Jogo através de fórum (PBF).

Diretrizes


1°) O Projeto é TAGMAR


Definimos a essência do RPG Tagmar 2:

A) O núcleo do sistema, como definido acima.

B) Os fundamentos das descrições entre profissões, raças, povos e deuses, que partiram da Ambientação do Tagmar 1.

Estes pontos não podem ser alterados nas tarefas oficiais desenvolvidas neste projeto ou o RPG seria descaracterizado como Tagmar 2.

2°) É o objetivo do projeto Tagmar 2, criar um ambiente de encontro para os jogadores deste RPG, bem como criar ambiente e ferramentas a fim de produzir versões atualizadas e expandidas do RPG Tagmar enfatizando a interpretação em jogo (role-play)


Desta forma os trabalhos desenvolvidos no projeto com fins de oficialização, terão que ser avaliados tomando em conta os objetivos da tarefa em especial:

- Simplicidade e rapidez para criar o personagem;

- Ampliação, melhoria e desenvolvimento da ambientação original;

- Extrapolação da ambientação sem prejudicar a ambientação original;

- Mais opções para caracterização dos personagens;

- Facilidade na compreensão e na utilização do sistema de combate;

- Ênfase ao roleplaying (interpretação);

- Equilíbrios entre as profissões e entre as raças.

Observações:

-- Uma profissão ou raça está desiquilibrada quando sua montagem estatística torna incompatível sua interação com as outras profissões ou raças, impedindo outras raças ou profissões de se desenvolverem igualmente e em paralelo com ela em uma mesma aventura e em um contexto coerente com a da ambientação oficial.

- Destaca-se que a avaliação dos pontos acima devem ser flexíveis o suficiente para levar em conta os limites que o próprio objetivo da tarefa impõe para a construção da estatística ou conceitos.

Sobre as Regras


O projeto tem como objetivo construir, e ajustar as regras para tornar o jogo mais rico, simulando situações imaginárias que precisem de uma resolução estatística. A finalidade das regras e do jogo não é a batalha, e sim estimular a desenvoltura com que os jogadores usam de seus personagens para resolver problemas e embates. Sendo assim, não é o objetivo principal do projeto criar regras para acumular modificadores nas estatísticas dos personagens.

É importante frisar que as regras a serem incorporadas não podem contradizer a ambientação oficial.

Sobre a Ambientação


É objetivo do projeto expandir a ambientação original e criar novas ambientações. No entanto, é importante destacar que não podem interferir nas relações fundamentais dadas entre os elementos de ambientação (tal como definidos acima) da Ambientação do Tagmar 1.

3°) O Projeto Tagmar 2 é democrático


O coordenador geral e outros cargos a serem determinados na estrutura da organização devem ser eleitos a voto pelos Heróis de Tagmar.

A maneira como um membro torna-se um Herói de Tagmar está exposta na estrutura da organização.

A motivação destas condições consistem em evitar perfis falsos e dar voz e voto àqueles que tenham demonstrado no fórum um conhecimento um pouco mais profundo do RPG Tagmar 2 e do funcionamento do projeto.

A periodicidade dos mandatos também será determinada na estrutura da organização.

Além disso, a oficialização de tarefas executadas, devem passar pela aprovação da maioria simples (número maior que 50%) dos votos válidos apurados em enquete.

As demais decisões tomadas no projeto serão feitas segundo as responsabilidades atribuídas aos membros de acordo a posição do participante na estrutura da organização do projeto.

A descrição da estrutura organizacional, os detalhes das eleições e a responsabilidade de cada participante podem ser lidos no link Estrutura da Organização.

4°) Deseja-se um RPG de nível profissional


Fica definido como “Pendente de Revisão” todo e qualquer material oficial que contenha:

1) Não conformidade com as Diretrizes do Projeto

2) Erros graves de linguagem, sintaxe, morfologia e/ou ortografia quanto à norma culta da língua portuguesa;

3) Incoerência, inconsistência, ambiguidade e/ou contradição com outros materiais oficiais;

4) Erros de função e/ou finalidade. P.ex. Textos de Ambientação que acrescentem novas Regras, ou vice-versa;

§ 1º – O mérito subjetivo de um determinado assunto não fazer sentido para um individuo mas fazer para outro não é critério para levar um material oficializado para revisão.

§ 2º – Cabe ao Coordenador Geral classificar um material como “pendente de revisão”

§ 3º - Qualquer Membro pode indicar, no fórum apropriado de revisões, um material oficial para revisão. Para tanto é preciso indicar os pontos que justificam a indicação.

§ 4º – Desde que cumpridos os critérios acima fica o Coordenador Geral obrigado a proceder com a classificação. Em caso de impasses e/ou divergências, será convocada uma votação, exigindo-se, nesses casos, maioria simples dos votos válidos apurados para proceder com a classificação do material indicado.

§ 5º – Em caso de grande acúmulo de material classificado como "A Revisar o Projeto, na pessoa de seus coordenadores, procederá com a criação de um calendário de revisão, podendo para tal, trancar outras tarefas em andamento.

5°) O Tagmar sempre será gratuito e acessível


Todo material produzido pelo Projeto é licenciado sob Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil (CC BY-NC-SA 3.0 BR) e disponibilizado na internet através do site oficial do Projeto na página de Downloads.

Você pode:

- Compartilhar — copiar, distribuir e transmitir a obra.

- Remixar — criar obras derivadas.

Sob as seguintes condições:

- Atribuição — Você deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

- Uso não comercial — Você não pode usar esta obra para fins comerciais.

- Compartilhamento pela mesma licença — Se você alterar, transformar ou criar em cima desta obra, você poderá distribuir a obra resultante apenas sob a mesma licença, ou sob uma licença similar à presente."

Para maiores informações jurídicas sobre a licença e direitos de uso acesse o seguinte link

Além disso, o material oficial será disponibilizado na internet.

6°) O projeto Tagmar deseja a participação de todos


Mesmo que existam ideias e pequenos projetos que não estejam de acordo com dos três primeiros pontos desta diretriz, o projeto manterá um espaço para conteúdo extraoficial: A Tagmarpedia. No entanto, o usuário ficará ciente que suas ideias poderão ser igualmente mudadas pelos participantes do projeto e também poderão ser aproveitadas e adequadas para o material oficial, sendo flexibilizada dentro das diretrizes.

7°) O projeto Tagmar exige respeito


Todos os membros deverão agir de boa-fé, com o objetivo de promover o trabalho coletivo, observando as diretrizes, a Estrutura do Projeto e o procedimento de execução e avaliação de uma tarefa sob pena de advertência, suspensão, suspensão com retirada do título de herói do Tagmar ou exclusão permanente do perfil.

Segue a seguinte imagem para ilustrar a funcionamento das primeiras diretrizes.